Início
Títulos por editor: Quimera
Foram encontrados 36 registos

              Fazer nova pesquisa
1 Lynx  -  BRANCO, Pedro Soares
Exército português ; memória ilustrada ; an ilustrated memoir the portuguese army / Pedro Soares Branco . - Lisboa : Quimera, 2006. - 220 p.
Exército Português - Memória Ilustrada (The Portuguese Army - an Illustrated Memoir), apoiado pelo Estado-maior do Exército, apresenta uma perspectiva gráfica da história militar de Portugal ao longo do século XIX e início do século XX, tendo reunindo para tal cerca de 250 documentos provenientes de arquivos públicos e colecções privadas, designadamente pinturas, gravuras, fotografias, postais ilustrados, cartazes, documentos e publicações, a grande maioria dos quais inéditos.


  BRANCO, PEDRO SOARES   PEDRO SOARES BRANCO   CDU 355/35
2 Lynx  -  GESTÃO DE EVENTOS
Gestão de eventos / Filipe Pedro [et al.] . - Lisboa : Quimera, 2006. - 174 p.
O livro Gestão de Eventos tem como principal objectivo a divulgação, junto dos profissionais da área, dos jovens universitários e dos estudantes técnico-profissionais, deste universo que é a gestão de eventos de comunicação, revelando um mercado que cada vez se destaca mais. O público encontrará neste livro formas para delinear e organizar eventos e ficará também a conhecer os bastidores de cada tipo de evento, através dos vários casestudies apresentados. Aqui, terá acesso à descrição passo a passo de quais as decisões e os factores que deverá ter em conta na realização de um evento de sucesso.


  CAETANO, JOAQUIM   CHRISTIANI, KLAUS   FILIPE PEDRO   JOAQUIM CAETANO   KLAUS CHRISTIANI   LUIS RASQUILHA   PEDRO, FILIPE   RASQUILHA, LUIS   CDU 658
3 Lynx  -  SANTOS, Paulo Sérgio dos
António Victorino d'Almeida conta 50 anos na música a Paulo Sérgio dos Santos / Paulo Sérgio dos Santos . - Lisboa : Quimera, 2006. - 344 p.
Muito mais do que uma simples entrevista, este livro é uma longa e saborosa conversa com um dos mais estimulantes comunicadores dos nossos dias. Neste projecto, que surgiu a propósito da comemoração dos 50 anos de carreira de António Victorino D'Almeida, fala-se sobretudo de música – influências, personalidades, obras, gostos são abordados numa articulação fluida com toda a Obra Musical do Maestro. Mas, ao longo de mais de 30 horas de conversa, muitos outros temas foram naturalmente surgindo, ligados a toda uma vida errante, entre Portugal e Viena, pautada tantas vezes por um certo desgosto, que a dificuldade em concretizar as coisas vai trazendo. São imensos episódios contados com a graça e a ironia que caracterizam a figura de António Vitorino D’Almeida, homem da música, de uma vida de música, mas também da televisão, do cinema, e da escrita. A conversa é alargada no final, entrando no diálogo várias figuras da cultura portuguesa, convidados a fazer perguntas ao Maestro.


  PAULO SERGIO DOS SANTOS   SANTOS, PAULO SERGIO DOS   CDU 78
4 Lynx  -  GAMA, Curado da
Saudade de Luanda / Curado da Gama . - Lisboa : Quimera, 2006. - 120 p.
Luanda, cidade mítica dona de toda uma toponímia que apenas os que a viveram e amaram reconheciam e reconhecem. O quotidiano da capital de Angola é revisitado neste livro publicado pela Quimera através de imagens que a mostram ao longo dos três primeiros quartéis do século XX. E é sobretudo de um reencontro que se trata: uma viagem no tempo até às décadas de 1910 a 1970. Luanda no esplendor da sua beleza frágil mas, mesmo assim, intemporal. Um livro imperdível!


  CURADO DA GAMA   GAMA, CURADO DA   CDU 77
5 Lynx  -  NOBRE, Eduardo
Paixões reais 2 / Eduardo Nobre . - Lisboa : Quimera, 2006. - 224 p.
Depois do sucesso editorial do primeiro volume de Paixões Reais (já na 4.ª edição) de Eduardo Nobre, a Quimera publica o muito aguardado segundo volume. Desta feita, a acção decorre da segunda metade do século XVII a finais do século XVIII, período em que intriga e as paixões dominam a vida na Corte. Um rei é vítima de jogos e traições e sofre um julgamento vergonhoso, o irmão retira-lhe a coroa e a mulher. Outros monarcas traem as rainhas com freiras ou sofrem atentados por requestarem fidalgas casadas. Do segredo dos conventos à tortura dos patíbulos, as paixões reais semeiam amores e bastardos, violência e morte. Um livro a não perder!


  EDUARDO NOBRE   NOBRE, EDUARDO   CDU 93
6 Lynx  -  CARDAL, Nuno ; DIAS, Pedro
Portugal iluminado / Nuno Cardal, Pedro Dias . - Lisboa : Quimera, 2006. - 160 p.
Verdadeiro convite à viagem, Portugal Iluminado, o novo livro publicado pela Quimera e no seguimento de Lisboa Iluminada dos mesmos autores propõe uma visão essencialmente diferente deste país, aqui revelado através de um mote singular: o da iluminação vespertina ou nocturna de cidades, aldeias, vilas, escolhidas mais pelas suas potencialidades expressivas do que pela sua importância geográfica ou administrativa. Afastando-se desde o início de um mero guia turístico, este livro assume-se como um projecto fotográfico: um livro de aproximadamente 160 fotografias (3 grandes panoramas desdobráveis), não um catálogo de monumentos ou um inventário de terras. Portugal Iluminado, valorizando as potencialidades criativas de um discurso fotográfico assim organizado, será seguramente uma surpresa e uma revelação. Um presente de Natal inesquecível!


  CARDAL, NUNO   DIAS, PEDRO   NUNO CARDAL   PEDRO DIAS   CDU 77
7 Lynx  -  CASCAIS
Cascais : aqui nasceu o futebol em Portugal (1888-1928) / org. de Marina Tavares Dias, Helena Xavier e João Miguel Henriques . - Lisboa : Quimera, 2004. - 160 p.


  DIAS, MARINA TAVARES   HELENA XAVIER   HENRIQUES, JOAO MIGUEL   JOAO MIGUEL HENRIQUES   MARINA TAVARES DIAS   XAVIER, HELENA   CDU 796   CDU 93
8 Lynx  -  ENCICLOPÉDIA DA MORTE E DA ARTE DE MORRER
Enciclopédia da morte e da arte de morrer / coord. de Glennys Howarth e Oliver Leaman . - Lisboa : Quimera, 2004. - 570 p.
A 1.ª edição portuguesa da Enciclopédia da Morte e da Arte de Morrer é um volume de referência que cruza várias perspectivas sobre a temática da mortalidade, resultante da investigação de autores oriundos de áreas tão diversas como as Artes, as Ciências Sociais, os Estudos Religiosos, a Medicina e a Psicologia. Este estudo transdisciplinar reflecte o significativo ressurgimento do interesse académico, dos meios de comunicação e do público em geral pelas questões ligadas à mortalidade, não sendo exclusivamente dirigido aos profissionais cujo trabalho os aproxima mais da experiência da morte. Fonte de referência completa e actualizada, esta obra constitui uma ferramenta essencial para o ensino, a pesquisa e o estudo independente do fenómeno da morte e dos conceitos e práticas que se lhe associam.


  GLENNYS HOWARTH   HOWARTH, GLENNYS   LEAMAN, OLIVER   OLIVER LEAMAN   CDU 159.9   CDU 2   CDU 572   CDU 61   CDU 7   CDU 93
9 Lynx  -  JOSÉ MANUEL COSTA ALVES
Lisboa / José Manuel da Costa Alves . - Lisboa : Quimera, 2003. - (Álbuns)
Pela primeira vez em Portugal é editado um livro de fotografias panorâmicas e de grande formato que tem como tema a cidade de Lisboa. Com mais de meia centena de fotografias, da autoria do fotógrafo José Manuel Costa Alves, este álbum, com cerca de 50 cm e com imagens que chegam a um metro de comprimento, vai fazer-nos ver Lisboa com outros olhos.


  JOSE MANUEL COSTA ALVES   CDU 77
10 Lynx  -  STOFFEL, Stephanie Lovett
Lewis Carroll no país das maravilhas / Stephanie Lovett Stoffel, trad. de Margarida Viegas . - Lisboa : Quimera, 2003. - 160 p.. - (Descobrir)
Charles Lutwidge Dodgson €àmais conhecido pelo seu pseudónimo de Lewis Carroll €ànasceu a 27 de Janeiro de 1832 e faleceu a 14 de Janeiro de 1898. Filho de um pastor anglicano, desde tenra idade põe à prova, perante os dez irmãos e irmãs, os seus dotes de contador de histórias e de mago do entretenimento infantil, que haveria de conservar por toda a vida. Uma tarde, no decurso de um passeio de barco ao longo do rio, conta-lhes a história que dará origem a Alice no País das Maravilhas. Perante o sucesso do livro, editado em 1865, Carroll decide dar-lhe uma continuação, Do Outro Lado do Espelho. Porém, este género de literatura está longe de constituir a única faceta do talento de Lewis Carroll, que, a par de poemas e textos humorísticos, publica também, assinados com o seu verdadeiro nome, tratados académicos. Misto de professor consciencioso, devoto atormentado pelas suas convicções religiosas, apaixonado pelo teatro e fotógrafo inspirado, tornou-se um mito, que, nesta sua obra, Stephanie Lovett Stoffel nos convida a desvendar.


  MARGARIDA VIEGAS   STEPHANIE LOVETT STOFFEL   STOFFEL, STEPHANIE LOVETT   VIEGAS, MARGARIDA   CDU 82.091
11 Lynx  -  RODRIGUES, Ana Leonor M. Madeira
Desenho / Ana Leonor M. Madeira Rodrigues . - Lisboa : Quimera, 2003. - (O que é)


  ANA LEONOR M. MADEIRA RODRIGUES   RODRIGUES, ANA LEONOR M. MADEIRA
12 Lynx  -  GOES, Eunice
A era Blair em exame / Eunice Goes . - Lisboa : Quimera, 2003. - 232 p.
Em Maio de 1997, a chegada de Tony Blair ao n.º 10 de Downing Street assinalou novos marcos na política britânica e europeia. A vitória do New Labour de Blair marcou o início da Europa «rosa», o começo de uma nova relação entre o Reino Unido e a Europa e lançou um enorme debate sobre o futuro da social-democracia. Na altura, o então mais jovem primeiro-ministro da União Europeia prometeu uma série de «amanhãs que cantam» aos britânicos, sociais-democratas e europeus em geral. Seis anos após a ascensão de Tony Blair, é altura de averiguar se os tais amanhãs já despontaram. Este livro faz o exame às políticas €àdiplomática, económica, social e constitucional €àque definiram a «Era Blair» e conclui que a receita milagrosa que colocou o Partido Trabalhista no poder se resume à cópia em tons pastel da cartilha neoliberal e conservadora.


  EUNICE GOES   GOES, EUNICE   CDU 32
13 Lynx  -  BERNADAC, Marie-Laure
Picasso : o sábio e o louco / Marie-Laure Bernadac, trad. de Fernanda Oliveira . - Lisboa : Quimera, 2003. - 192 p.. - (Descobrir)
Um pintor, um homem, um génio. Um homem para quem pintar quer dizer ver, e que «viu» o seu século melhor do que ninguém.Profundamente empenhado no seu absoluto... Homem público cuja existência tumultuosa fascinou as multidões, era também uma personagem arisca, secreta e imprevisível. Dos primeiros pombos a lápis de Málaga aos períodos azul e rosa, dos loucos anos de Montmartre às Demoiselles d?Avignon, da explosão surrealista a Guernica, das mulheres em lágrimas à mulher-flor, ele foi aquele que dizia sem descanso: «Eu não procuro, encontro.» Marie-Laure Bernadac e Paule du Bouchet reconstituem o destino de um homem que marcou o século xx de forma perene.


  BERNADAC, MARIE-LAURE   FERNANDA OLIVEIRA   MARIE-LAURE BERNADAC   OLIVEIRA, FERNANDA   CDU 7.072
14 Lynx  -  BABIN, Pierre
Sigmund Freud : um «trágico na era da ciência» / Pierre Babin, trad. de Fernanda Oliveira . - Lisboa : Quimera, 2003. - 144 p.. - (Descobrir)
Vindo do substrato iídiche da Europa Central, perturbado e fascinado por Charcot, este embriologista da alma põe fim, sem vacilar, a algumas relutantes obscuridades do pensamento: traduz o dialecto dos sonhos e desmascara a sexualidade. Por meio da psicanálise, ele abre um novo espaço ao homem do século xx. Pierre Babin recorda a vida de um sábio simples e brilhante e as grandes etapas do pensamento freudiano.


  BABIN, PIERRE   FERNANDA OLIVEIRA   OLIVEIRA, FERNANDA   PIERRE BABIN   CDU 159.964
15 Lynx  -  THIÉBAUT, Claude
As metamorfoses de Franz Kafka / Claude Thiébaut, trad. de Margarida Viegas . - Lisboa : Quimera, 2003. - 144 p.. - (Descobrir)
A Metamorfose, O Processo, A Colónia Penal, O Castelo... Os escritos de Kafka referem-se a um mundo em que a liberdade se pagava a alto preço. Que é feito desse mundo? Da Praga dos anos de 1910-1921, checa, alemã e judaica, que a pouco e pouco se foi libertando de quatro séculos de dominação austríaca? Daquele pai, filho de talhante e tirano doméstico, que comercializava «novidades» na Cidade Velha, e que tinha um único filho varão? Quem, entre gente de carne e osso e génios literários, terá instilado em Kafka aquela trágica coerência que caracteriza a sua obra? Claude Thiébaut depura a antiga imagem romântica, e, mais tarde, existencialista, de Franz Kafka, enquadrando-o simplesmente naquela exigência de rigor e de pureza que o levou a publicar pouco, a morrer jovem, e a colocar a mesma e eterna interrogação, relativamente ao pai, à lei, à amizade, assim como ao amor das mulheres.


  CLAUDE THIEBAUT   MARGARIDA VIEGAS   THIEBAUT, CLAUDE   VIEGAS, MARGARIDA   CDU 82.091
16 Lynx  -  LAROQUE, François
Shakespeare : o teatro do mundo / François Laroque, trad. de Fernanda Oliveira . - Lisboa : Quimera, 2003. - 192 p.. - (Descobrir)
Génio universal que atravessa o tempo, Shakespeare é no entanto indissociável da sua época, o Renascimento inglês, brilhante espectáculo de que a soberana, Isabel I, é o centro e a razão de ser. Igualmente inseparável do dramaturgo, a recordação de Stratford, onde nasceu em 1564, uma vila e uma região cujos cenário, tradições e superstições, festas e divertimentos populares alimentam a sua obra.


  FERNANDA OLIVEIRA   FRANCOIS LAROQUE   LAROQUE, FRANCOIS   OLIVEIRA, FERNANDA   CDU 82.091
17 Lynx  -  PUNYET-MIRÓ, Juan ; LOLIVIER, Gloria
Miró : o pintor das estrelas / Juan Punyet-Miró, Gloria Lolivier, trad. de Ida Boavida . - Lisboa : Quimera, 2003. - 192 p.. - (Descobrir)
Três zonas e uma imensidão de litorais: Miró amava a Catalunha e as terras vermelhas da sua região; Paris, o seu mundo, o lugar miraculoso da sua ascensão, os amigos poetas; Maiorca, a terra-mãe, os pinheiros e as alfarrobeiras diante do esplendor do céu. Atracou em todas as margens da arte, explorou todos os seus recantos: fauvismo, cubismo, realismo «detalhista», pinturas oníricas, colagens, quadros-poemas, livros ilustrados, esculturas, cerâmicas. É uma progressão solitária, cheia de cores, afastada dos movimentos e das teorias o que Juan Punyet-Miró e Gloria Lolivier-Rahola aqui descrevem. Um encaminhamento no termo do qual, aos noventa anos de idade, trabalho obstinado e magia pura acabaram por se confundir no encantamento da cor.


  BOAVIDA, IDA   GLORIA LOLIVIER   IDA BOAVIDA   JUAN PUNYET-MIRO   LOLIVIER, GLORIA   PUNYET-MIRO, JUAN   CDU 7.072
18 Lynx  -  DOMINO, Christophe
Bacon : monstro de pintura / Christophe Domino, trad. de Ida Boavida . - Lisboa : Quimera, 2003. - 136 p.. - (Descobrir)
Bacon é um dos últimos grandes monstros consagrados da história da arte. Jogador e autodidacta, levado pelo desespero e sensível à verdade das pessoas, permanece fiel à pintura e à figura humana, desde o verdadeiro início da sua obra, em 1944, até à sua morte, em 1992. Através da sua arte, soube dar a ouvir a um grande número de pessoas essa «qualquer coisa que», diz ele, «é muito mais profunda, que se encontra muito aquém daquilo a que se chama a coerência e a consciência, da ordem do sentimento e do destino humano». Tendo em conta a lição de liberdade dada por Bacon, Christophe Domino fez sua esta recomendação que o pintor dirigiu ao responsável por uma das suas exposições: «Não creio que seja necessário pendurar os quadros por ordem cronológica ou por tema, basta simplesmente fazê-lo da maneira que preferirmos.»


  BOAVIDA, IDA   CHRISTOPHE DOMINO   DOMINO, CHRISTOPHE   IDA BOAVIDA   CDU 7.072
19 Lynx  -  MARCHESSEAU, Daniel
Chagall : poeta das imagens / Daniel Marchesseau, trad. de Alberto Júlio Silva . - Lisboa : Quimera, 2003. - 176 p.. - (Descobrir)
Em 1985, Marc Chagall, o último patriarca da Côte d'Azur, a seguir a Matisse e a Picasso, apagava-se em Saint-Paul-de-Vence, aos 88 anos. A Escola de Paris pode orgulhar-se de ter permitido a muitos artistas estrangeiros desenvolverem dentro dela a sua arte: Chagall é um dos seus mais singulares pioneiros. Malraux, que lhe tinha encomendado o tecto da Ópera de Paris, dizia dele que estava «ébrio de imagens». Aquele mesmo que pintou o universo do shtetl judeu em Vitebsk, e também os seus próprios sonhos e os seus amores, o mundo do circo e a mensagem universal da Bíblia, permanece hoje como um extraordinário narrador, com uma poética universal e intemporal, fundada sobre a imagem canónica de Deus e dos homens. Daniel Marchesseau traça os percursos deste russo, duas vezes desenraizado e hoje subido ao firmamento, a esses céus que, durante a sua longa vida, soube pintar e iluminar.


  ALBERTO JULIO SILVA   DANIEL MARCHESSEAU   MARCHESSEAU, DANIEL   SILVA, ALBERTO JULIO   CDU 7.072
20 Lynx  -  DIAS, Marina Tavares
Lisboa desaparecida / Marina Tavares Dias . - Lisboa : Quimera, 2003. - 220 p.. - (Álbuns, 8º vol.)
Dando continuidade à colecção LISBOA DESAPARECIDA, este novo livro de Marina Tavares Dias transporta-nos a uma Lisboa tão antiga quanto actual. Um capítulo sobre o jogo e a história dos casinos em Lisboa mostra-nos a antiguidade e a simultânea actualidade deste tema. Também o Largo do Intendente tem nestas páginas a sua história, recordando tempos áureos desta zona da cidade hoje tão comentada pela sua degradação. Ao longo das 220 páginas e das cerca de 400 imagens deste livro fica o convite para outras memórias: a história do Campo Grande, as festas de Santo António, os restaurantes, os palácios lisboetas (da Ajuda e das Necessidades), e a história da última princesa de Lisboa.


  DIAS, MARINA TAVARES   MARINA TAVARES DIAS   CDU 93

Resultado  
  16 seguintes
Formato  Criar ficheiro de texto
 Ver registos seleccionados
 Versão para imprimir
 Abreviar as referências
 Enviar por email
   Fazer nova pesquisa

Powered by SIRIUS

Escaparate é um serviço da BookMARC para a comunidade do livro