Início
Títulos por editor: Deriva
Foram encontrados 17 registos

              Fazer nova pesquisa
1 Lynx  -  BORRAZÁS, Xurxo
Ser ou não / Xurxo Borrazás . - Porto : Deriva, 2006. - 134 p. ; 210x145. - (ISBN- 972-9250-18-9)
A extrema fluidez com que se lê Ser ou Não liga-se fundamentalmente com a estrutura narrativa directa e, por vezes, cruel com que Xurxo Borrazás trata as emoções e os desejos. A história centra-se na realização da própria obra literária numa aldeia perdida no interior da Galiza e onde duas personagens, o autor e uma velha aldeã, se encontram de uma forma estranha e intensa. A atribuição de um prémio literário acompanha paralelamente o desenrolar da história. A ironia encontra-se sempre presente numa obra já marcante da nova literatura galega.


  BORRAZAS, XURXO   XURXO BORRAZAS   CDU 82-3
2 Lynx  -  COELLO, Antón Riveiro
As rolas de Bakunine / Antón Riveiro Coello . - Porto : Deriva, 2006. - 176 p.. - (ISBN- 972-9250-17-0)
As Rolas de Bakunine de Antón Riveiro Coello não é só a construção literária do anarquismo galego durante os anos da Guerra Civil de Espanha. É, também, uma excelente narrativa tendo por base a vida de Camilo Doldán que atravessa o século com a postura altiva dos que pouco têm a perder a não ser a dignidade de homens verdadeiramente livres.


  ANTON RIVEIRO COELLO   COELLO, ANTON RIVEIRO   CDU 82-3
3 Lynx  -  MÉSSEDER, João Pedro
Abrasivas / João Pedro Mésseder, posfácio de Ana Margarida Ramos . - Porto : Deriva, 2005
Livro de aforismos e paradoxos apresentados de uma forma irónica pelo autor que passeia o seu olhar pelo mundo e pelo comportamento humano. "Parece existir, portanto, por trás da escrita de Abrasivas, o culto de uma poética da condensação, fragmentária, alicerçada na elaboração do texto como experiência limite, que aposta na fractura e no sobressalto, mas também na contenção, no instantâneo, talvez mais próximo da ideia mítica da criatividade ingénua e espontânea. Daqui resulta, igualmente, a ligação próxima, quase umbilical, à tradição oral e/ou popular, na medida em que o aforismo (que caracteriza muitos dos textos compilados em Abrasivas), como "narrativa mínima", encerra traços de uma filosofia ligada à contemplação do mundo e dos homens e obedece a um ritmo particular." Ana Margarida Ramos - Universidade de Aveiro


  ANA MARGARIDA RAMOS   JOAO PEDRO MESSEDER   MESSEDER, JOAO PEDRO   RAMOS, ANA MARGARIDA   CDU 82-3
4 Lynx  -  KELLERMAN, Paulo
Gastar palavras / Paulo Kellerman . - Porto : Deriva, 2005
Paulo Kellerman sabe, como ninguém, dosear os sentimentos, por vezes desencontrados, que nascem da leitura dos seus contos. Seria fácil adjectivá-lo como um escritor contido, portanto. Só que, da sua escrita, emergem olhares, gestos, palavras, solidariedades e crueldades que se entrecruzam num verdadeiro jogo de paixão literária que assola o criador de contos - porque é de contos que se trata - e onde o Paulo trabalha com extremo prazer que o leitor facilmente adivinha tornando-se cúmplice e personagem. Apetece perguntar por que mar de silêncio tem andado este escritor?


  KELLERMAN, PAULO   PAULO KELLERMAN   CDU 82-3
5 Lynx  -  QUEIPO, Xavier
Os ciclos do bambu / Xavier Queipo . - Porto : Deriva, 2005
Xavier Queipo, nesta sua nova obra editada em português, pela Deriva, surpreende-nos pela aparente facilidade com que muda de registo literário. A partir da deriva oriental, este autor, que paulatinamente conquista o seu público em Portugal, apresenta-nos diários (des)construídos num Oriente que foge aos estereótipos comuns. Em Os Ciclos do Bambu experimentamos o minimalismo dos haikus transposto para histórias belas e profundas, conluiamos com ele na crítica a um Oriente invadido pelos valores do lucro e da vulgaridade e persistimos na estranheza da leitura cadenciada de palavras como se fosse um jogo de sensações plásticas e profundas, sempre repetidas, contra o esquecimento. Xavier Queipo, tenta avisar-nos que as palavras encerram em si a beleza e a magia de um tempo perdido e que urge recuperar sem demora. Um romance de leitura obrigatória.


  QUEIPO, XAVIER   XAVIER QUEIPO   CDU 82-3
6 Lynx  -  ALMEIDA, Sérgio
Armai-vos uns aos outros / Sérgio Almeida . - Porto : Deriva, 2004. - 180 p.
Composto por dois maxi-contos (ou duas mini-novelas, consoante a perspectiva e/ou tara), "Armai-vos uns aos outros" apresenta-nos uma galeria dos espelhos e das deformidades, dos tiques e dos clichés da irrelevância humana. Em "Die, Cabrón!", o mirabolante FUC - nome artístico de Felisberto Urbano da Conceição - prova ser o melhor detective bibliográfico, porque único, que há por estas bandas. Empenhado em descobrir o assassino de Rute Vinhas T., a modelo mais badalada do momento, FUC resvala, sem saber como, para o submundo da moda, em que a masculinidade só não é um bem em vias de extinção, porque já desapareceu há muito. Do crítico de costumes Charles C. Astro ao par de bimbas culturais Barbara F. e Catarina G, o que fica é um retrato sórdido, e frequentemente mal-cheiroso, do panorama scripto-áudio-pseudo-visual dos dias de hoje. Já em "Crítica da ração pura", o narrador desnuda a vida do fiel secretário particular de Immanuel Kant, Hans Serôdio de seu nome, cujo pensamento pode ser sintetizado à seguinte máxima: "Existirá vida depois da morte? E se existir será que poderemos levar os nossos chinelos favoritos?". Enquanto serve com dedicação os caprichos do Mestre e constata a sua loucura crescente, Hans escreve uma obra paralela àquela que cedeu fama mortal ao filósofo de Konigsbger: "Crítica da ração pura".


  ALMEIDA, SERGIO   SERGIO ALMEIDA   CDU 82-3
7 Lynx  -  BASTO, Vítor Pinto
Gente que dói : o conflito basco por quem o vive / Vítor Pinto Basto, fotog. de Pedro Correia, pref. de Rui Pereira . - Porto : Deriva, 2004. - 130 p.
A particularidade deste livro de Vítor Pinto Basto é que realiza a deriva basca com a emoção e solidariedade de quem se propõe conhecer o outro através da pergunta franca e aparentemente simples de um jornalismo feito de seriedade e rigor. Para além da violência da ETA ou da repressão da Guarda Civil, num Estado que se proclama espanhol mas coexistindo com o pulsar galego e catalão, existe uma rede humana que vive e sonha com um Euskadi livre. De Otamendi às ikastolas de Peio Egaña, do silêncio de Savater ao lehendakari Ibarretxe, desfia-se um novelo de uma região tolhida em si própria, como um "fio que tudo abraça", palavras atentas do autor. Muito mais do que um problema espanhol, o País Basco torna-se, cada vez mais, um problema europeu que urge compreender em toda a sua dimensão. O contributo de Vítor Pinto Basto é o de abrir portas a uma dimensão humana ladeada por balas e bombas, referendos e programas irredutíveis. Dele se pode ler que "Cheguei a algumas conclusões, embora não seja sobre elas que este livro se pretende livro, logo, obviamente lido."


  BASTO, VITOR PINTO   CORREIA, PEDRO   PEDRO CORREIA   PEREIRA, RUI   RUI PEREIRA   VITOR PINTO BASTO
8 Lynx  -  TEMPOS DE FUGA
Tempos de fuga / Ramón Caride . - Porto : Deriva, 2003. - 220 p.
Numa cidade desconhecida, um escritor atormenta-se com o desaparecimento da mulher. Em Nova Iorque, uma hospedeira trafica estranhas pedras e, em Vivier-Sur-Mer, Bretanha, outra mulher terá um inesperado encontro que mudará a sua vida. Os caminhos destas personagens vão confluir de um modo impensável através dos efeitos desses cristais, os "oders".


  CARIDE, RAMON   RAMON CARIDE   CDU 82-3
9 Lynx  -  ROUILLAN, Jean-Marc
Odeio as manhãs / Jean-Marc Rouillan . - Porto : Deriva, 2003. - 175 p.
Jean-Marc Rouillan está preso desde 1987, desde o desmantelamento da Action Directe, cumprindo uma pena de prisão perpétua. Esta crónica foi escrita em 2001 na central de Lannemezan e conta o quotidiano da sua vida prisional sob um regime ultra-severo. Denuncia também a ligação muito discutível entre a medicina e a prisão.


  JEAN-MARC ROUILLAN   ROUILLAN, JEAN-MARC   CDU 82-3
10 Lynx  -  CARIDE, Ramón ; PRADO, Miguelanxo
Perigo vegetal / Ramón Caride, Miguelanxo Prado . - Porto : Deriva, 2002. - 118 p.
Said e Sheila vivem, no ano 2075, no interior da Galiza, mas estão ligados em comunicação ao mundo global do passado. Uma gigantesca companhia transnacional, a C.U.B., tenta apoderar-se de todas as sementes de cereais existentes como parte de um plano para dominar toda a agricultura do planeta.


  CARIDE, RAMON   MIGUELANXO PRADO   PRADO, MIGUELANXO   RAMON CARIDE   CDU 82-3
11 Lynx  -  NAVAZA, Gonzalo
Erros e Tanatos / Gonzalo Navaza, pref. de José Viale Moutinho, trad. de Elisabete Ramos . - Porto : Deriva, 2003. - 118 p.
Colectânea de pequenos contos de uma ironia extremamente cáustica, escritos com um rigor assinalável e com finais inesperados.


  ELISABETE RAMOS   GONZALO NAVAZA   JOSE VIALE MOUTINHO   MOUTINHO, JOSE VIALE   NAVAZA, GONZALO   RAMOS, ELISABETE
12 Lynx  -  RAYNAL, Patrick
Ex / Patrick Raynal, trad. de José Jorge Duarte . - Porto : Deriva, 2002. - 196 p.
De Lorient a Dublin, de Nice a Bamako, Jo Randa, a personagem deste romance, faz remontar o tempo. Inventário das trajectórias e derivas pessoais, regresso aos anos de chumbo, morte das utopias, término das ilusões políticas, um destino de um homem emerge das sombras do passado.


  DUARTE, JOSE JORGE   JOSE JORGE DUARTE   PATRICK RAYNAL   RAYNAL, PATRICK   CDU 82-3
13 Lynx  -  LÓPEZ LÓPEZ, Xabier
A estranha estrela / Xabier López López . - Porto : Deriva, 2003. - 220 p.
Romance de aventuras onde Emílio Amarante, o protagonista, está submetido a encontros extraordinários onde as leis naturais não ocupam grande lugar. Filósofos, corsários, navegantes de todos os feitos arrastam o leitor para o prazer puro da liberdade e da fruição da narrativa. Um romance onde se cruza o estilo oitocentista e o pós-moderno.


  LOPEZ LOPEZ, XABIER   XABIER LOPEZ LOPEZ   CDU 82-3
14 Lynx  -  RIVERA FERNER, Maria
O elefante que não era elefante / Maria Rivera Ferner . - Porto : Deriva, 2003. - 32 p.
Era uma vez um elefante que não queria ser elefante. Então o que queria ser? Queria ser torrão de açúcar, abelha, lâmpada... ou pássaro, voando pelo fundo do mar.


  MARIA RIVERA FERNER   RIVERA FERNER, MARIA   CDU 82-93
15 Lynx  -  ALVAREZ, Marta
Galinhas à solta / Marta Alvarez . - Porto : Deriva, 2003. - 32 p.
Lúcia e o seu pai, o professor Viraventos, vão de férias para a aldeia. Um dia, as galinhas entram no laboratório do professor. E começam a pôr enormes ovos de cores, uns ovos que farão viver a Lúcia as mais extraordinárias aventuras.


  ALVAREZ, MARTA   MARTA ALVAREZ   CDU 82-93
16 Lynx  -  MÉSSEDER, João Pedro ; LUÍS, Gémeo
O aquário / João Pedro Mésseder, Gémeo Luís . - Porto : Deriva, 2004. - 32 p.
Uma história de peixes, cores e sabores para os mais pequenos. Um aquário é também um mundo em miniatura, onde se jogam relações entre iguais e diferentes, novos e velhos, e onde se geram preconceitos e ideias feitas. As ilustrações ajudam a compreender situações e personagens, sem deixarem de construir um cenário onírico e sedutor.


  GEMEO LUIS   JOAO PEDRO MESSEDER   LUIS, GEMEO   MESSEDER, JOAO PEDRO   CDU 82-93
17 Lynx  -  QUEIPO, Xavier
Bebendo o mar / Xavier Queipo, trad. de Dina Almeida . - Porto : Deriva, 2003. - 200 p.
Francis, tradutor galego, radicado na Califórnia conhece Rose, informática e irlandesa. Martin, seu editor norte-americano pede-lhe para traduzir para o inglês a sua obra do momento: trata-se de um tal Saramago que, nesse ano, vai ser de certeza um Prémio Nobel. A obra deste ainda desconhecido escritor português chama-se "Ensaio sobre a Cegueira".


  ALMEIDA, DINA   DINA ALMEIDA   QUEIPO, XAVIER   XAVIER QUEIPO   CDU 82-3

Resultado  
 
Formato  Criar ficheiro de texto
 Ver registos seleccionados
 Versão para imprimir
 Abreviar as referências
 Enviar por email
   Fazer nova pesquisa

Powered by SIRIUS

Escaparate é um serviço da BookMARC para a comunidade do livro